IJUI NEWS - Vereadores propõem CPI na Câmara para investigar fatos recentes ocorridos na UPA
Min: 15º
Max: 26º
Predomínio de Sol
logo ijui news
Inova topoInova topo
Seiko eee

Vereadores propõem CPI na Câmara para investigar fatos recentes ocorridos na UPA

Em nota, Bruna Gubiani, Matheus Pompeo, Josias Pinheiro, Cleuton Rolim e Paulo Braga manifestaram desejo de Justiça pela morte da veterinária Taísa Protti, e outros casos registrados na UPA.

Matéria Publicada em: 11/07/2023
5 vereadores, número legalmente necessário, assianaram o pedido de CPI. Arte/IjuíNews.

Acesse o site do Palmero Veículos AQUI
_____________________________________

Postado por ABEL OLIVEIRA

Recentes casos de negligências reclamados por usuários do atendimento médico da Unidade de Pronto Atendimento – UPA – de Ijuí motivou a solicitação de vereadores para a criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito – CPI.

A medida legal visa à investigação rigorosa de casos como o da morte da médica veterinária Taísa Cristini Protti, ocorrida na manhã no dia 7 deste mês, aos 40 anos, em casa, após liberação da UPA, em tese, sem exames de urgência solicitados pelo atendimento inicial no CSU. A morte da médica foi registrada no dia seguinte ao da consulta (6/7).

Médica veterinária morre depois de liberada da UPA de Ijuí; família pediu investigação policial

Segundo os parlamentares, há outros casos que geraram reclamações na comunidade e serão analisados. As circunstâncias da morte da médica também são investigadas pela Polícia Civil (PC) e em sindicância interna da Prefeitura.

Para que uma CPI seja solicitada/criada é necessário que pelo menos 5 dos 15 vereadores assinem o pedido, o que já existe na Câmara de Ijuí.

Veja a nota dos vereadores proponentes da CPI

Querida comunidade,

Nós, os vereadores Matheus Pompeo, Bruna Gubiani, Paulo Braga, Cleuton Rolin e Josias Pinheiro, viemos compartilhar uma importante iniciativa que estamos propondo. Estamos solicitando a criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar os fatos ocorridos na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do nosso município.

Infelizmente, fomos informados sobre o trágico falecimento da Sra. Taísa Cristini Protti. Ela foi liberada do atendimento na UPA sem que os exames solicitados durante seu atendimento no Posto de Saúde do Centro Social Urbano fossem realizados.

Diante dessa situação angustiante, estamos firmemente comprometidos em buscar respostas e esclarecimentos para a família da Sra. Protti e para toda a comunidade que depende dos serviços de saúde em nosso município. A criação da CPI nos permitirá conduzir uma investigação minuciosa dos procedimentos adotados na UPA e identificar eventuais falhas que possam ter ocorrido.

Nossa atuação nessa questão reflete nosso compromisso em garantir transparência, eficiência e qualidade nos serviços públicos oferecidos à população. Através da CPI, visamos identificar possíveis problemas na gestão da saúde e propor soluções que assegurem um atendimento adequado e seguro para todos.

Manteremos a comunidade informada sobre os avanços das investigações durante todo o processo da Comissão Parlamentar de Inquérito. Pedimos o apoio e a participação de todos vocês, pois é com a união de esforços que poderemos construir um sistema de saúde mais eficiente e humanizado em nosso município.

Nossos pensamentos estão com a família da Sra. Taísa Cristini Protti neste momento difícil. Nos comprometemos a buscar a justiça necessária e a implementação de medidas preventivas para evitar tragédias semelhantes no futuro.

Fotos/vídeos: Cópias não autorizadas | Lei nº 9.610/98.

Brito lateral 2020